Seguro Viagem mais barato para a Europa segundo especialista

Seguro Viagem mais barato para a Europa segundo especialista

Para quem deseja fazer uma viagem internacional para Europa, possuir um seguro viagem é fundamental para dar mais seguranças a possíveis imprevistos que pode acontecer durante a mesma.

Caso o seu destino seja algum pais da Europa, você devera ter mais atenção ainda, já que este tipo de seguro é obrigatório para adentrar nos países que fazem parte deste continente.

Não só obrigatório, mas há uma serie de detalhes que são exigidos, tudo por causa de um tratado que estes países assinaram.

Seguro Viagem mais barato para a Europa segundo especialista

Este tratado pode acabar por encarecer o seguro viagem para a Europa, mas segundo especialista se seguido algumas dicas é possível conseguir um preço mais barato para o mesmo.

O tratado de Schengen

O motivo da obrigatoriedade de seguro viagem Europa para turistas e estudantes no continente Europeu é o tratado de Schengen.

Este tratado foi uma exigência do Parlamento Europeu, que desde o ano de 2010, tem exigido de forma obrigatória à apresentação do seguro viagem no momento de passar na imigração de mais de 30 países.

Os principais países que fazem parte deste tratado são:

  • Alemanha
  • Áustria
  • Bélgica
  • Dinamarca
  • Finlândia
  • Hungria
  • Islândia
  • Noruega
  • Polônia
  • Suécia
  • Suíça

Estes são apenas os destinos mais procurados, mas no geral todos os países do continente Europeu fazem parte desde tratado.

Além do seguro obrigatório, é exigido que esse ofereça uma cobertura mínima de 30 mil euros, caso contrario o mesmo pode ser recusado na imigração do pais.

Portanto, é preciso se atentar a este detalhe na hora da contratação do seu seguro viagem para a sua viagem a algum pais da Europa.

O que os especialistas falam

De acordo com os especialistas, uma das formas de conseguir um seguro viagem para a Europa mais em conta é utilizar comparadores deste tipo de serviço, como por exemplo o multiseguroviagem.com.br.

Motores de busca especializados em seguro viagem, além de mostrarem os preços e vantagens de varias empresas, evitam que você contrate o seguro errado.

Isto ocorre porque, ao colocar em um desses sites que o seu destino é algum país do continente Europeu, eles só apresentam seguros com apólices que cobrem o valor mínimo de 30 mil euros.

Este detalhe é para impedir que você contrate o seguro errado e tenha problemas na imigração do seu país destino.

Pesquise bastante

Outra dica que os especialistas dão para economizar na hora de contratar o seu seguro viagem para a Europa é pesquisar bastante.

Utilize mais de um comparador de preços e claro, faça essa busca com bastante antecedência ao dia da sua viagem.

Quando mais tempo você se dedicar a esta busca, maiores são as chances de você encontrar valores mais acessíveis.

Opte por opções de pagamento com desconto

A melhor opção sempre na hora de realizar um pagãmente é a vista e não poderia ser diferente com o seu seguro viagem.

Sites que oferecem serviços de comparação de preço deste tipo de serviço, também possibilitam comprar o seguro lá mesmo, como uma maneira de facilitar a vida do cliente.

As opções de pagamento, além de dividir o valor total no cartão, há sempre a opção de se pagar a vista no boleto.

Neste tipo de pagamento, além de você conseguir um desconto, ainda não há o prolongamento deste gasto.

Mas claro, se você não estiver em condições de pagar a vista, parcelar o valor no cartão é uma ótima forma de suavizar as parcelas.

Fique atrás de promoções  

Caso você seja do tipo que viaja muito ou que está com uma já planejada mais para frente, uma boa forma de pagar mais barato no seu seguro viagem para a Europa é ficar atrás de promoções.

Não precisa ficar entrando nos sites de comparação de preços todos os dias, basta se cadastrar nos mesmos e caso surja uma promoção, você será avisado no seu e-mail.

Também, em épocas comemorativas e ate mesmo no seu aniversario você pode ganhar cupom de descontos para usar na contratação do seu seguro.

Você não precisa pagar caro no seu seguro viagem para a Europa, basta pesquisar bastante e claro, se planejar para pagar a vista e ganhar um desconto a mais.

Desta forma, sobrara um dinheiro a mais para você gastar na sua viagem e poder aproveitar ela com a segurança que um seguro oferece.

O Seguro Viagem na Europa e realmente necessario

O Seguro Viagem na Europa é realmente necessário?

Quando planejamos uma viagem, seja ela a trabalho ou simplesmente de lazer, colocamos na ponta do lápis muitas e muitas coisas.

O Seguro Viagem na Europa e realmente necessario

Pensamos nos mínimos detalhes de modo que tudo saia da forma que planejamos ou pelo menos que saia o mais próximo disso possível.

Estado ou país a ser visitado, hotel onde iremos nos hospedar, roteiros de lugares onde queremos conhecer, levantamento dos melhores restaurantes ou casas noturnas para nos divertirmos, o que iremos levar, escolha da companhia de viagem, dentre tantas outras coisas. Porém algo importante as vezes deixamos para trás e acabam passando despercebido.

O seguro viagem para Europa é uma dessas coisas que, muitas vezes consideramos como supérfluos e que, em alguns lugares, principalmente em viagens internacionais, é um dos requisitos para que possamos adentrar em determinado país.

 

O seguro viagem é realmente obrigatório?

Em determinados países, além do passaporte, é necessário que você tenha um seguro viagem incluso na sua documentação. Se você for viajar a lazer e fizer um pacote de viagem diretamente com alguma companhia, dependendo do seu destino a própria companhia já inclui esse seguro no valor final do seu pacote.

Se seu destino for algum país da Europa, tenha certeza de que esse será um item indispensável que será cobrado de você no momento em que a sua documentação for conferida. Veja aqui onde o Seguro Viagem Europa é obrigatório.

 

Como saber se para o meu destino é necessário fazer um seguro viagem?

Devemos incluir em nosso planejamento pesquisar sobre o local onde iremos viajar. Cada país tem uma regra específica para receber viajantes e, cada país oferece às pessoas que desejam visita-los, uma cartilha com todas as regras necessárias para chegar até ele.

Além do seguro viagem, outros itens podem ser obrigatórios dependendo do local para onde você vai viajar, como por exemplo, vacinas, vistos específicos para determinadas viagens e até mesmo o comprovante de reserva no hotel escolhido.

Para evitar qualquer aborrecimento e não transformar seus dias de lazer em um verdadeiro inferno, se informe com antecedência sobre a documentação necessária.

Caso você tenha alguma dúvida se o local para onde você vá viajar necessita de que você faça esse tipo de seguro, entre com contato com uma companhia de viagem que eles com certeza lhe tirarão todas as dúvidas relacionadas a isso.

 

Em caso de países não obrigatório, é vantajoso fazer um seguro viagem?

Respondendo essa pergunta de forma simples e objetiva, sim, é vantajoso.

Dependendo do país para onde você for viajar, uma simples consulta médica não custará a você menos de 100 dólares. Um valor que você poderia ter reservado para realizar algum passeio será gasto numa simples consulta de pouco mais de 10 minutos.

Alguns seguros viagem tem coberturas como serviços médicos e odontológicos, além de cobrir extravios de bagagens, perda de documentos e diversos outros serviços essenciais durante a viagem que, se fosse resolver sem o auxilio do seguro você perderia muito tempo e muito dinheiro.

Existem no mercado inúmeras seguradoras que trabalham com seguro viagem, cada uma com seu valor e cobertura diferentes. Ao fazer sua escolha, faça uma pesquisa para escolher o seguro ideal para a sua viagem.

Pinceis de maquiagem: conheça os pinceis de maquiagem e veja para que servem

Pinceis de maquiagem

Pincel kabuki, chanfrado, língua de gato, duo fibra – você já deve ter ouvido falar de um desses nomes de pinceis de maquiagem, mas não faz a menor ideia para que servem?

Cada pincel tem uma função para uma determinada área do rosto. Não adianta comprar um pincel de pó regular para aplicar pó compacto, se a sua intenção é aplicar base, concorda? Quem faz auto maquiagem precisa conhecer algumas ferramentas que tornam esse trabalho muito mais prático e bonito.

E quando falamos em algumas ferramentas, queremos dizer também que não é preciso comprar um kit com diversos pinceis de maquiagem, a não ser que você seja profissional. O destino, na maioria das vezes do combo de pincéis é ser abandonado no nécessaire. Isso ocorre porque a medida que conhecemos os segredos da maquiagem, descobrimos também o que é essencial para o dia a dia.

Porém, se você for profissional ou não, vale a pena entender para que serve os variados pinceis de maquiagem disponíveis no mercado. Confira então:

 

  • Pincel de base Duo Fibra

 

Esse pincel de maquiagem bicolor, contém cerdas macias, feitas com fibras naturais e sintéticas. Serve para aplicar base ou pó, oferecendo cobertura leve e aspecto iluminado.

 

 

  • Língua de gato

 

Pincel em formato achatado, de cerdas sintéticas. Ideal para base, corretivo e primer, preferencialmente na área das pálpebras inferiores. Também possui a função de limpar qualquer sujeirinha sem borrar a base.

 

  • Pincel chanfrado

 

O pincel de maquiagem em formato chanfrado tanto serve para aplicar bases em creme, mousse e líquida quanto para iluminador, blush e contorno. É um dos pinceis de maquiagem mais versáteis do mercado.

Existe também o pincel duplo chanfrado para olhos, ideal para esfumar sombras, fazer traços finos nas pálpebras superiores e aplicar o famoso efeito “gatinho”.

 

  • Kabuki

 

Você já deve ter visto aqueles pinceis de maquiagem com cerdas bastante densas, não é? Saiba que eles são perfeitos para aplicar pó mineral, garantindo naturalidade e textura uniforme. Indispensável para o seu kit básico!

 

 

  • Pincel de pó

 

Se você não é adepta da esponjinha para aplicação de pó, esse pincel é ideal para o que você precisa. De formato bem redondo e fofo, o pincel de pó é feito de cerdas naturais e oferece acabamento aveludado.

 

 

  • Pincel pontudo

 

Pincel fino, de formato bem pequeno. Serve para fazer traços finos, sombras em creme ou mousse e para aplicar batom.

 

 

  • Pincel de delineador

 

O pincel mais fino de maquiagem que você já viu. Sua ponta é curvada e suas cerdas bem finas como se fosse uma ponta de lápis. Ideal para delinear os olhos ou para contornar a boca.

 

 

  • Pincel finalizador (leque)

 

O pincel em forma de leque é bem largo e ajuda a finalizar a maquiagem. Pode ser usado para remover resíduos ou para aplicar o pó facial.

 

 

  • Pincel de acabamento

 

Pequeno e achatado, esse é mais um dos pinceis de maquiagem para olhos. É perfeito para criar pontos iluminados nos cantos internos dos olhos.

 

 

  • Pincel duplo para olhos – cerdas retas e esponja

 

De um lado, uma esponjinha para criar efeito de sombra clara na pálpebra ou apenas no arco superior. De outro, um pincel de cerdas retas e grossas para espalhar sombras e iluminadores.

Existe uma grande variedade de pinceis de maquiagem, todos muito semelhantes e que causam o mesmo efeito.

Portanto, antes que você saia por aí comprando todos que vê pela frente, lembre-se daquilo que mencionamos neste post: se você não é profissional, basta alguns pinceis para o seu dia a dia, como: pincel para aplicar pó, pincel chanfrado e pincel para esfumar os olhos. Basta ver o que gosta na sua maquiagem diária e escolher os pinceis específicos pra isso.

Guia completo do intercambio na Austrália

Nos últimos anos a Austrália tem sido destino de muitos brasileiros. Talvez porque seu clima tropical é muito parecido com o nosso e torna muito mais agradável a adaptação dos intercambistas saídos do Brasil.

Outro possível motivo é que os trâmites legais para tirar o visto para a Austrália sejam muito mais simples, do que em relação a outros países.

Pensando em te orientar neste intercâmbio, listamos um guia com informações que lhe serão muito úteis. Confira então:

Guia completo do intercambio na Austrália

Visto para a Austrália

O visto para a Austrália é extremamente descomplicado de tirar. O processo é todo online, e o intercambista pode fazer os procedimentos sem mesmo sair de casa. Por não ter que pegar filas em consulados, ou marcar entrevistas que pedem milhões de documentos, os brasileiros têm preferido tirar o visto para a Austrália.

A imigração australiana facilita ainda mais o processo, colocando à disposição do intercambista uma plataforma especialmente desenhada para tirar visto. O requerente coloca todas as informações relevantes no sistema, relacionada com passagens, estadia, seguro viagem, matrícula no curso, e dinheiro reservado para a duração da estadia.

Após terminados os trâmites, o solicitante do visto espera a confirmação em casa. E se tudo estiver em ordem a permissão de visto é enviada por e-mail. Aí o aluno imprime e leva consigo durante a viagem.

Para garantir a aprovação do visto, o candidato terá que comprovar matrícula em algum curso com mais de 12 semanas de graduação. Há ainda o veto a qualquer um com antecedentes criminais, e a apresentação de uma quantia mínima determinada que será usada para se manter durante o primeiro ano no país. Além de tudo, recomenda-se a contratação de um seguro viagem específico para intercâmbio, que é diferente do seguro viagem tradicional, com uma cobertura mais ampla e menos carências.

Moradia e trabalho na Austrália

Muitas cidades australianas são constantemente citadas como ótimas cidades para estudar e morar, por isso atraí tantos turistas querendo aprender inglês ou fazer uma graduação.

Por ano, a Austrália recebe cerca de 200 mil estudantes estrangeiros, o que aumenta em muito a taxa de universitários no país. Quase metade deles é vinda de fora.

Uma ótima opção para morar na Austrália é Sydney. Muitas vezes confundida como a capital da Austrália, Sydney é a maior cidade do país e abriga muitas opções culturais e ótimas instituições de ensino.

Outra opção é Melbourne, similar a Sydney em muitos aspectos, principalmente nas semelhanças culturais. Ambas oferecem uma enorme diversidade cultural e artística, com excelentes opções de cultura que vão de música clássica até uma arte mais urbana, com presença marcante de artistas periféricos.

Opções de estudo na Austrália

A maioria dos intercambistas brasileiros que escolhem a Austrália como destino estão matriculados em cursos de inglês. A procura por intercâmbio no país é tanta que existe o Cadastro de Instituições e Cursos para Estudantes Estrangeiros da Commonwealth, que regulamente a autoriza as instituições cadastradas a aceitar alunos estrangeiros.

O estudante intercambista de graduação na Austrália estão em menor número, porém não são poucos. Estima-se que 2 de cada 5 estudantes universitários na Austrália sejam estrangeiros. Os cursos de graduação na Austrália variam de 2 a 5 anos, o que limitaria o tempo da estadia do estudante.

Para os estudantes de inglês a gama de opções é muito vasta e compreende mais de 1000 instituições, com a qualidade mantida pelo próprio governo australiano. Há ainda a possibilidade de um intercambista trabalhar em meio período durante o ano letivo, e um emprego em tempo integral no período de férias.

Agora que você já conheceu as opções para estudar e morar na Austrália, já pode começar a cotar passagens, hospedagem, seguro viagem para intercâmbio, e locais para estudar. Se você possui o desejo de estudar fora para aprender inglês ou mesmo fazer um curso de graduação, a Austrália pode ser o seu destino.

Uma recomendação pessoal, é que procure desvincular o preço do Seguro Viagem do seu pacote. O preço é muito menor, se você adquirir ele a parte. Opte por um cotador que faça a comparação com diversas situações, como é o caso da www.multiseguroviagem.com.br.

Tabela Fipe: como consultar tabela Fipe? Passo a passo

Você já vendeu ou comprou um carro sem antes conferir a tabela fipe, e depois percebeu que o valor pago estava muito abaixo ou muito acima da média? Não deixe que isso aconteça novamente.

Tabela Fipe Como consultar tabela fipe-passo a passo

A Fipe é uma Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, que existe desde 1973. O objetivo da criação era apoiar o Departamento de Economia da Universidade de São Paulo.

A tabela fipe é uma avaliação justa do valor de compra e venda do seu veículo, independente do tipo de automóvel. É uma média de valores praticados pelo mercado automobilístico, impossibilitando alguém de ofertar um preço muito abaixo ou acima da média pelo seu carro.

Para descobrir quanto vale seu veículo para compra ou venda, aprenda a consultar a tabela fipe com o nosso passo a passo. Confira!

Passo a passo para consultar tabela Fipe

Antes de consultar, lembre-se que o seu carro será avaliado levando-se em conta suas características (marca, modelo, ano). A tabela fipe usará como referência os valores mais baixos e mais altos ofertados pelo mercado.

Portanto, o estado de conservação do seu veículo, bem como a quilometragem e acessórios podem fazer a diferença na hora da avaliação, mas sempre estará dentro da média fornecida.

A atualização da tabela ocorre mensalmente. Siga o passo a passo a seguir para fazer sua consulta:

  • Acesse o site Tabela Fipe;
  • Clique em Índice e Indicadores;
  • Clique em Preço Médio de Veículo;
  • Escolha entre as opções: “Consulta a Carros e Utilitários Pequenos”, “Consulta de Caminhões e Micro-ônibus” ou “Consulta de Motos”.

Um campo de informações vai abrir assim que você escolher uma dessas 3 opções. Digite a marca, modelo e ano do seu automóvel, clique em “pesquisar” para acessar o preço médio praticado no mercado para o seu veículo.

Exemplo de consulta para motos Honda

Vamos supor que você tenha em sua casa uma moto Honda CB Twister/Flexone 250cc, do ano 2016.

Ao clicar em “consulta de motos”, basta informar os 4 campos que seguem: ano de referência, marca, modelo e ano modelo. Clique em “pesquisar” para obter os seguintes dados:

  • Mês de referência: agosto de 2018
  • Código Fipe: 811135-9
  • Marca: Honda
  • Modelo: CB Twister/Flexone 250cc
  • Ano Modelo: 2016
  • Autenticação: g04h9vst2ly2
  • Data da consulta: dia, mês, ano e horário
  • Preço Médio: R$ 12.436,000

Agora você sabe que o valor médio para compra ou venda de uma Honda CB Twister é de R$ 12.436,000.

Exemplo de consulta para caminhões e micro-ônibus

Se você quer comprar um caminhão usado da marca Volkswagen, modelo 10-160 E Delivery 2p (diesel) (E5), ano 2018, mas está em dúvida sobre o preço que pediram por ele, faça a consulta para obter as seguintes informações:

  • Mês de referência: agosto de 2018
  • Código Fipe: 515150-3
  • Marca: Volkswagen
  • Modelo: 10-160 E Delivery 2p (Diesel) (E5)
  • Ano Modelo: 2018
  • Autenticação: g14zzfq5l9c7g
  • Data da consulta: dia, mês, ano e horário
  • Preço Médio: R$ 125.228,000

Portanto, um caminhão da marca Volkswagen e modelo mencionado terá o preço médio de R$ 125.228,000.

Com a tabela fipe é muito mais fácil e rápido descobrir o valor médio de um veículo para compra e venda. Independente da sua negociação, consulte hoje mesmo com ajuda deste passo a passo.

As 5 Maiores Santa Casa do Brasil

A Santa Casa de Misericórdia é uma das maiores irmandades do país, que oferece complexos hospitalares de atendimento gratuito às pessoas e se encontram distribuídas por diversas cidades do país. Algumas unidades, ainda, oferecem cursos de formação técnica, livre e superior em educação em saúde.

As 5 maiores santa casa do brasil

Trata-se de um serviço filantrópico ligado à Igreja Católica, que funciona por meio de verbas públicas e doações. Apesar de estar ligada a uma instituição religiosa, a Igreja Católica não interfere nas atividades desenvolvidas pelas Santa Casas do Brasil.

 

Santa Casas no Brasil: quando surgiram

As primeiras unidades da Santa Casa começaram a atender à população a partir do final dos anos de 1700 no Brasil. Nessa ocasião, foram inauguradas Santa Casas em: São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador, João Pessoa, Santos, Vitória, São Luiz, Campos (RJ), Porto Alegre, entre outras localidades.

 

As 5 maiores Santa Casas do Brasil

Algumas das maiores Santa Casas do país, atualmente, são:

 

  1. Santa Casa de São Paulo: o complexo hospitalar se localiza na região central da capital paulista, mais precisamente, no bairro tradicional da Santa Cecília. Conta com mais de 30 unidades de atendimento especializados, além de realizar procedimentos de pequena, média e grande complexidade.

Também possui Banco de Sangue, que distribui sangue a hospitais menores e doações. Ainda há banco de dados de medula, que também aceita doações.

Possui ainda uma extensa programação de eventos e cursos científicos e programas de residências em diversas especialidades. O objetivo é aprimorar os profissionais de saúde do país.

Possui serviço de hospital-dia para pacientes psiquiátricos, serviços de planejamento familiar, entre outros. São cerca de 1500 leitos e 192 de UTI. No momento, no entanto, devido a uma grave crise econômica, o hospital está fazendo atendimento apenas em alguns casos, como de urgência e emergência – demais pacientes são encaminhados para outros hospitais público próximos, como o Hospital das Clínicas de São Paulo.

A Santa Casa de São Paulo fica na R. Dr. Cesário Mota Júnior, 112 – Santa Cecília estação Santa Cecília do metrô (linha vermelha).

 

  1. Santa Casa de Santos (SP): se trata de uma das unidades da Santa Casa mais antigas do país. Possui mais de 1200 leitos e leitos de UTI.

Realiza praticamente todos os procedimentos médicos, de cirurgias a transplantes e exames de pequena à alta complexidade. Conta ainda com central de transplante, banco de sangue e doação de medula.

Atende gratuitamente os pacientes e convênios médicos. Além de oferecer serviços de saúde mental, assistência em serviço social e planejamento familiar.

Oferece cursos de especialização, residência médica e graduação na área da saúde. Sua construção data o ano de 1600, apesar de passar a funcionar apenas no final dos anos de 1700.

Conta também com auditório para cursos, simpósios e congressos.

 

  1. Santa Casa de Londrina (PR): é um grande complexo hospitalar que atende, praticamente, pacientes de toda a região norte do estado paranaense. Além de pacientes de outras localidades do estado, que são transferidos para lá.

Oferece serviços de atendimento e procedimentos de todas as complexidades, em praticamente todas as especialidades médicas. Ainda dispõe de cursos de atualização profissional, residência médica e curso em saúde.

Dispõe de mais de 1000 leitos e mais de 90 na UTI. Atende gratuitamente e por convênios médicos.

 

  1. Santa Casa de São Carlos (SP): também é uma das Santa Casas maiores do país. Oferece R. Paulino Botelho de Abreu Sampaio, 573 – Jardim Pureza, São Carlos – SP complexidades gratuitamente aos pacientes ou pelo uso de convênio médico.

Possui mais de 400 leitos e leitos em UIT.

Oferece Centro de Treinamento. São oferecidos cursos e simpósios de atualização em saúde, além de programas de residência em diversas especialidades.

 

  1. Santa Casa de Anápolis (GO): oferece atendimento gratuito à população ou por meio do uso de convênios médicos.

Realiza consultas, atendimento e procedimento das mais variadas complexidades. Conta com atendimento e acompanhamento mental também.

Possui mais de 400 leitos. Oferece cursos, simpósios e congressos na área da saúde, além de programa de residência para médicos, em diversas especialidades.

Vale ressaltar que essas unidades da Santa Casa e outras funcionam 24 horas, atendendo através de

Outras unidades da Santa Casa, consideradas de grande porte são as de: Adamantina (SP), Andradina (SP), Rio de Janeiro (RJ), Belo Horizonte (MG), Angra dos Reis(RJ), Apagondas (PR), Porto Alegre (RS), Barbacena (MG), Barretos (SP) e Bataguassu (MS).

O que é IPVA e por que você deve mantê-lo em dia?

Pagar o IPVA (Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores), faz parte da rotina de uma grande parte da população brasileira no início do ano. Mas uma mínima parcela realmente sabe a importância desse tipo de imposto e para que ele serve.

Você sabe qual é o destino dado ao imposto que você paga? Ao longo deste post serão apresentadas uma série de informações sobre esse imposto, incluindo o que ele é e porque você deve mantê-lo em dia. Confira e surpreenda-se com a forma com que esse recurso é aplicado:

O que é o IPVA?

O Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) é uma contribuição estadual, paga por todos os proprietários de veículos no país. Os valores das alíquotas variam de acordo com cada estado, uma vez que é estipulado pelo governo vigente dessas regiões.

A arrecadação desse tributo é dividida entre o estado e o munícipio. Assim, 50% do valor total é destinado ao estado no qual o motorista reside. Enquanto, que os outros 50% são direcionados para o município onde o veículo foi emplacado.

O uso fiscal desse recolhimento não é aplicado exclusivamente na manutenção das estradas ou ruas. Ele pode ser usado como fonte de investimentos para melhorias na segurança, educação, saúde, saneamento básico dentre outras. Isso depende da política governamental de cada estado e município.

 

IPVA: POR QUE VOCÊ DEVE MANTER O PAGAMENTO EM DIA

 

Dessa forma, quando o motorista realiza o pagamento do IPVA do seu veículo, está contribuindo e incentivando o desenvolvimento social e econômico da região. Mas os benefícios não se limitam a isso, confira abaixo algumas razões pelas quais você deve mantê-lo em dia:

 

Evita a aplicação de multas

A irregularidade do pagamento desse imposto, traz como principal consequência a aplicação de multas elevadas. Essa situação pode ser agravada com a perda do licenciamento para dirigir e até mesmo a apreensão do veículo, perante os órgãos governamentais.

A inadimplência do IPVA pode ocasionar na inclusão do nome do motorista nos órgãos de proteção ao crédito, como o SERASA. Para evitar todas essas situações desagradáveis, é essencial que ocorra o pagamento regular desse imposto;

 

Descontos no pagamento

Outra razão para manter o pagamento desse imposto em dia, está relacionada com a aplicação de descontos nas alíquotas. Isso mesmo! Ao pagá-lo antecipadamente, por exemplo, é provável receber bons abatimentos no valor total do boleto. Ele pode ser gerado via online e pago em casas lotéricas ou bancos credenciados.

Aqueles proprietários de veículos que se enquadram no perfil de bom motorista. Ou seja, que não receberam nenhum tipo de infração no último ano, também podem receber mais de 10% de desconto nesse tributo. Esse é um benefício oferecido a todos aqueles que adotam boas práticas no trânsito;

 

Facilita a venda ou revenda do veículo

Quem deseja comprar um novo veículo, opta preferencialmente por aqueles que não apresentem nenhum tipo de danos físicos ou pendências tributárias. Nesses casos, a regularização é um dos fatores de maior relevância observadas no momento da aquisição.

Dessa forma, quando o comprador se depara com um veículo que está com débitos, como o atraso do IPVA principalmente, o processo de venda ou revenda torna-se muito mais difícil.

Mesmo que, o vendedor ofereça um desconto no valor final da venda, a burocracia em regularizar essa inadimplência faz com que o comprador desista. Sendo assim, é crucial manter todos os impostos em dia para auxiliar no processo de venda ou transferência do veículo no futuro.

Agora que você compreendeu o que é o IPVA e a importância de mantê-lo sempre em dia, o que acha de regularizar o pagamento desse imposto? E lembre-se que você também irá se beneficiar com a aplicação desse tipo de recurso.

Os benefícios que você poderá desfrutar com essa simples atitude, irá proporcionar a tranquilidade de dirigir livremente por onde desejar, sem o risco de ter sua licença cassada ou veículo apreendido.

Além disso, evita a inclusão do seu nome em órgãos de proteção ao crédito, como o SERASA. Também auxilia no desenvolvimento econômico e social do seu estado, quando seus tributos são aplicados em áreas como educação, segurança, assistência dentre outros, onde todos se beneficiam.

O que é o IPVA e porque você deve mantê-lo em dia

Os Melhores Hospitais de Oncologia

Conhecer quais são os melhores hospitais de oncologia do país, é o primeiro passo no processo de prevenção e diagnóstico precoce do câncer. Essas instituições adotam os mais modernos e avançados tratamentos oncológicos, assim como possuem equipes de profissionais qualificados nessa patologia.

Os melhores hospitais de oncologia

Mas a importância delas não se limitam a isso, muitas ainda oferecem todo o tratamento de maneira gratuita para os pacientes da rede pública de saúde, o SUS. Isso democratiza o acesso a procedimentos médicos de alta complexidade e custo.

Continue lendo esse post para manter-se informado sobre os melhores hospitais de oncologia do país:

HOSPITAL ISRAELITA ALBERT EINSTEIN

O Hospital Israelita Albert Einstein é um dos melhores hospitais de oncologia do país e de toda a América Latina. Nele são oferecidos serviços que englobam desde a prevenção até a reabilitação da saúde do paciente do câncer.

A instituição dispõe dos mais modernos e avançados centros oncológicos do país. Assim como uma equipe altamente capacitada no atendimento médico-hospitalar de doenças no sangue e câncer.

O Einstein ainda é um hospital associado do reconhecido MD Anderson Cancer Center, que é um dos mais renomados centros de oncologia do mundo. Através dessa parceria, o hospital têm contato com as mais modernas técnicas e tratamento do câncer do mundo.

HOSPITAL SÍRIO – LIBANÊS

O Centro de Oncologia do Hospital Sírio-Libanês, é uma referência na prevenção, tratamento e reabilitação de patologias como o câncer no país. Nele são realizadas cerca de 38.000 consultas por ano, sendo atendidos pacientes de todas as regiões do país.

Esse reconhecimento deve-se ao fato da instituição combinar os mais modernos tratamentos oncológicos, com um atendimento humanizado a todos os pacientes. Ele dispõe de equipes multidisciplinares especializadas no atendimento de pacientes oncológicos, formadas por:

  • Médicos oncologistas;
  • Técnicos de radioterapia;
  • Biomédicos;
  • Enfermeiros;
  • Nutricionistas;
  • Psicólogos;
  • Farmacêuticos.

Hospital de Amor

O Hospital de Amor, também conhecido como Hospital de Barretos, também está entre os melhores hospitais de oncologia do país e do mundo. Oferece um atendimento médico-hospitalar humanizado em mais de 18 especialidades de patologias oncológicas.

Atualmente é a instituição de saúde que realiza mais tratamentos de câncer pelo SUS de todo o país. Todos os atendimentos são realizados em um complexo hospitalar que abrange diferentes cidades do interior de São Paulo, Porto Velho e Rondônia.

C. Camargo Câncer Center – Fundação Antônio Prudente

O Hospital A.C. Camargo Câncer Center é uma referência internacional no diagnóstico, tratamento, ensino e pesquisa oncológica. Oferece assistência de alta complexidade e humanizada tanto para pacientes do setor privado, quanto do público através do Sistema Único de Saúde.

Apenas em 2017, foram realizados cerca de 4 milhões de atendimentos nessa instituição de saúde, sendo 60% destinados para os pacientes do SUS. Para atender tamanha demanda, o hospital possui uma moderna e ampla infraestrutura, pronta para proporcionar o melhor tratamento aos usuários.

O hospital também é reconhecido pelo desenvolvimento de pesquisas e ensino em oncologia de todo o país. Sendo o responsável pela formação profissional de residentes, especialistas, mestres e doutores dessa especialidade médica.

Hospital Alemão Oswaldo Cruz

O Hospital Alemão Oswaldo Cruz é um dos melhores hospitais de oncologia do país. Recentemente, o seu Centro Especializado em oncologia foi reconhecido como sendo de excelência pela Sociedade Europeia de Oncologia Médica (ESMO).

A infraestrutura do centro conta com setores de: quimioterapia, radioterapia e cirurgia oncológica, oferecendo assim um tratamento humanizado e integral a todos os pacientes e seus familiares. Além disso, conta com o fácil acesso a serviços como:

  • UTI;
  • Centro Cirúrgico;
  • Centro de Diagnóstico por Imagem;
  • Pronto Atendimento.

Os melhores hospitais de oncologia do país, oferecem os tratamentos mais modernos e avançados dessa patologia. Como também contam com uma equipe de profissionais aptos a prestar um atendimento humanizado e de alta qualidade, para os pacientes e seus familiares.

Em sua grande maioria, esses serviços podem ser realizados através do Sistema Público de Saúde (SUS). Tornando-o mais acessível para a população que não possui recursos financeiros para financiar um tratamento oncológico, pela rede privada.

Para saber mais sobre as especialidades oncológicas de cada hospital, é importante que você entre em contato com as instituições para obter informações especificas, sobre os procedimentos e tratamentos oferecidos. Para ver outras unidades de atendimento dessa especialidade, consulta um guia de hospitais do Brasil.

Motivos para Medir a Internet com FAST.COM

Você já teve a impressão de que a sua internet não está tão rápida quando deveria estar? e aquela impressão de que em alguns momentos do dia ela fica quase parando? isso pode não ser apenas sua imaginação, muitas empresas fazem isso de propósito, elas alteram a velocidade da sua conexão em momentos diferentes do dia fazendo com que você acabe pagando por um serviço que não está sendo totalmente entregue a você, para evitar esse tipo de problema é recomendado utilizar ferramentas de medição de conexão, uma das mais conhecidas e práticas é o Fast.com e esse artigo trata justamente das vantagens de medir a internet com esse serviço.

Motivos para medir a internet com Fast

Facilidade

O fast.com é um site que realiza o teste diretamente no navegador, sem necessidade de instalar ou baixar nada, essa facilidade faz com que a ferramenta seja adequada para pessoas de todas as idades e de todas as línguas uma vez que o site mesmo sendo americano é bastante intuitivo, é o serviço ideal para quem não entende muito sobre o assunto mas quer garantir que não vai será enganado de alguma maneira pelas operadoras de internet, que cobram preços abusivos e acabam não entregando o produto combinado, o site é realmente tão fácil de usar que mesmo uma criança poderia aprender a manusear e você pode deixar ele salvo nos favoritos do seu navegador para fazer o teste sempre que precisar. Esse teste é recomendado sempre que sentir que sua conexão está lenta ou travando o carregamento de alguma página ou vídeo.
 

Usuários não autorizados

As vezes a sua conexão têm uma mudança de velocidade repentina e você não sabe exatamente o que aconteceu, com o fast.com você pode checar para conferir se a empresa contratada está entregando a velocidade que deveria e caso a resposta seja sim, então você já sabe que alguém está usando a sua conexão sem a sua autorização, se esse for o caso você pode tomar às médicas como mudar a senha ou tornar a sua rede uma rede oculta, o uso do fast.com torna esse controle de rede muito mais fácil ajudando você a proteger sua conexão e seus dados para que não corra o risco de ser hackeado e acabar tendo prejuízos futuros.
 

Controle de tráfego

Se você tem uma empresa mesmo que seja um pequeno negócio, a internet é o seu meio de trabalho e divulgação, toda empresa atualmente precisa utilizar a internet para funcionar e para que isso seja feito de forma segura você precisa ficar de olho nas variações de velocidade e qualidade dá sua conexão, o fast.com vai te ajudar a saber exatamente quais horários têm uma melhor conexão para que você programe o seu trabalho sem ter que passar horas esperando uma página carregar, esse simples método pode evitar completamente que você acabe ficando preso em uma única tarefa o dia todo e perca seu tempo sem produzir nada.

Sobre os resultados obtidos com a Fast.com

O fast.com não é patrocinado e nem pertence a nenhuma empresa brasileira, isso significa que você não vai ter resultados manipulados, o resultado dá análise mostrado por está ferramenta é totalmente real e por isso você pode confiar que a empresa fornecedora da sua internet não pagou para encobrir as falhas na sua conexão, é sem dúvida a maneira mais segura de fazer uma análise da sua conexão sem ter a influência de terceiros e sem que os resultados sejam divulgados ou manipulados, só você vai ter acesso aos dados gerados com a análise.

Informação rápida e precisa.

O fast.com é um site de análises de velocidade assim como vários outros que existem na internet, a diferença principal aqui é a velocidade com que você recebe o resultado da análise, uma vez que você clique para iniciar a análise leva apenas alguns segundos e você recebe rapidamente o resultado, o site carrega super rápido em qualquer velocidade de conexão uma vez que ele foi criado para ser simples e leve, além disso, sua interface simplificada permite que você teste rapidamente qualquer rede o que é bastante útil se você trabalha em alguma profissão que depende da internet para exercer suas funções.

Não perca mais tempo, fique por dentro do que é entregue pela sua provedora de internet. Acompanhe seu desempenho mensal com a ajuda do Fast.com.

Seguro Automotivo: Em que casos o seguro automotivo é mais caro?

Não ter um seguro automotivo para o veículo nos dias de hoje, é algo praticamente impossível visto a quantidade de roubos, furtos e acidentes. Porém, com a situação econômica instável do país, muitas vezes o seguro pesa bastante no orçamento dos brasileiros no final do mês.

Em alguns casos, o seguro automotivo costuma ser ainda mais caro do que a média de preços praticados pelo mercado.

casos seguro auto é mais caro

Seguro automotivo com valor mais alto

 

O seguro automotivo, em geral, já apresenta um valor considerável a ser pago todos os meses, para garantir a segurança do veículo e mais tranquilidade ao proprietário. Porém, como mencionado, há proprietários que pagam ainda mais pelo serviço. Entenda o motivo dessa alteração de valores no seguro automotivos em determinados caso:

 

  • Veículos importados: esses veículos costumam ter o seguro automotivo mais caro pois, no caso de problemas como furto ou roubo ou defeitos mecânicos, o valor da cobertura e/ou da indenização são mais altas.

 

  • Veículos antigos: bens com mais de 10 ou 15 anos de fabricação estão mais sujeitos a apresentarem problemas, assim, os valores das mensalidades do seguro costumam ser mais caras.

 

  • Veículos muito visados por assaltantes: alguns modelos de veículos são alvos preferidos por ladrões, geralmente, devido à facilidade do roubo e furto e da venda ilegal das peças do bem. Assim, para esses modelos mais populares e comuns entre os assaltantes, o seguro automotivo tem normalmente o valor mais alto.

 

  • Condutores com menos de 25 anos de idade: pessoas que se encaixam nessa faixa etária representam o maior índice de quem se envolve em acidente, além de não terem o costume de pagar por estacionamento – facilitando roubos e furtos. Nesse caso, o seguro automotivo também costuma ser mais caro.

 

  • Proprietários com pouco tempo de habilitação: pessoas que retiraram suas CNH (Carteira Nacional de Habilitação) há menos de 5 anos podem pagar mais pelo seguro automotivo. Isso porque as empresas seguradoras consideram esse público inexperiente e com mais propensão em se envolver em acidentes com o veículo. Proprietários mais velhos, mas que moram com pessoas com menos de 25 anos. A empresa seguradora sabe que a pessoa com 25 anos guiará também o veículo – o que é sinal de alerta para elas. Isso pode elevar o valor do seguro automotivo.

 

  • Proprietários que usam o carro para trabalhar, pois o veículo se torna mais propenso a sofrer danos. O seguro automotivo também é, normalmente, mais caro nesses casos. E atenção! Nem pense em omitir essa informação pois, mais cedo ou mais tarde ela será descoberta pela seguradora e você poderá perder coberturas.

 

  • Condutores do sexo masculino. Acidentes são causados muito mais por pessoas do sexo masculino do que do sexo feminino – segundo pesquisas de diversas entidades, como do Detran (Departamento de Trânsito). Homens, então, costumam gastar mais como seguro automotivo.

 

  • Proprietários que morem em locais considerados perigosos também podem ter o valor do seguro automotivo mais elevado. Isso porque, em lugares perigosos, as chances de danos, roubos e furtos tendem a serem maiores.

 

  • Motoristas sem filhos: crianças indicam que os condutores terão mais cuidado ao guiar o veículo, para a maior segurança dos pequenos. Dessa forma, se o condutor não tem filhos, a empresa seguradora considera que ele pode ser um pouco mais imprudente do que quem tem crianças, elevando, às vezes, o valor das mensalidades do seguro automotivo.

 

  • Veículos que ficam estacionados na rua com frequência. É claro que um veículo guardado na rua sofre mais chances de ser danificado ou passar por roubo ou furto. Nesses casos, o seguro também costuma sair mais caro.

 

  • Proprietários que moram em casa. Mesmo que a residência possua garagem segura, veículos que permanecem em casa estão mais sujeitos a casos de roubos ou furtos do que aqueles que ficam em estacionamentos ou em garagens de edifícios. O seguro automotivo aqui, também pode ter o preço mais elevado.

 

  • Condutores com mau histórico de direção: proprietários com muitos pontos na CNH ou registros de infração são mais propensos a causarem danos ao veículo e a se envolverem em acidentes, aumentando, em geral, o preço do seguro.

 

Seguro automotivo: não omita informações

 

É melhor pagar mais caro pelo seguro do que omitir informações que encareçam o serviço ou podem vir a te fazer falta em momento de necessidade. Isso porque as chances de a seguradora descobrir esses tipos de fraudes são grandes. Quem faz esse tipo de coisa pode perder o seguro.

Além disso, as empresas seguradoras podem trocar informações entre si sobre os consumidores que já omitiram ou mentiram informações na contratação do seguro automotivo. E a pessoa, dessa forma, correm o risco de ter suas propostas negadas por outras seguradoras em futuras contratações.