Cachorro sossega com o passar dos anos?

cachorro sossega passar anos

Não existe uma resposta certa para esta pergunta. A personalidade dos animais varia muito, mas ter conhecimento sobre as fases da vida do seu pet ou até mesmo algumas dicas para acalmá-lo pode ajudar muito a diminuir a agitação dele.

A vida de um cachorro pode se dividir em 11 fases e vale a pena conhecer um pouco sobre algumas delas:

O período neonatal começa no nascimento e vai até os 12 anos de vida. Neste momento, o animal é muito dependente da mãe, inclusive para manter sua temperatura em equilíbrio. Ele não enxerga e nem ouve.

Entre os 21 e 28 anos de vida, inicia-se o período de reconhecimento. É quando ele começa a usar todos seus cinco sentidos. Ele precisa estar em contato com sua mãe e seus irmãos, se houver. Além disso, o ambiente precisa ser calmo.

Até os 50 dias de vida, o bichinho vai aprendendo como é de fato ser um cachorro e socializando com outros cachorros. Como assim? É a época que ele aprende a ter uma percepção da sua higiene e como ser disciplinado por outros cães.

Já na sétima semana de vida até a décima segunda, o filhote já pode ir se inserindo mais no convívio com humanos e é importante mostrar para ele o mundo à sua volta: pessoas, objetos, sons. O chamado impriting canino é o momento de transformação psicológica e social do animal, quando ele aprende comportamentos e aprende a se comunicar.

Tudo aprendido nessa fase é permanente, ou seja, é essencial que ele tenha um certo treinamento que molde sua personalidade da melhor maneira. Muito cuidado também na hora de educá-lo, porque entre a 8° e 11° semana, qualquer experiência traumática pode ter um impacto muito grande, pode-se dizer que é uma época mais sensível que as outras.

Cães agitados se aproveitam do período de rebeldia que começa na 13° e dura três semanas. É interessante que treinamentos baseados na obediência façam parte desse momento. O seu pet vai ficando cada dia mais esperto e pode começar a fingir que não te ouve mais, “a surdez seletiva” faz parte dos 4 aos 8 meses do cão e exige que os donos tenham paciência e reajam a esses comportamentos.

Passado um ano, o cachorro já não é mais um filhote, a sua maturidade se inicia e as raças menores têm a tendência de amadurecer antes. Nesse momento, a agressividade canina pode aumentar, consequentemente, a retomada de um adestramento baseado na obediência se torna bem relevante.

Agora que você já entende um pouco mais sobre a vida do seu cão, veja algumas dicas para acalmar aquele seu pet agitadinho.

Primeiro, vamos pensar que existem três razões principais para seu cão não sossegar nunca: a predisposição da raça. Sim, algumas raças são mais agitadas que outras. O tédio, pode ser que a falta de atividades e distrações estejam fazendo seu cão não parar quieto ou a ansiedade, se ele não se acostumou a ficar sozinho, a falta de companhia pode gerar ansiedade e por consequência, agitação.

Vamos as dicas então:

  1. Aprender a relaxar 

Os cães aprendem que um agrado em forma de recompensa pode acontecer sempre que ele repetir certo comportamento. Ou seja, se ele entender que quando ele estiver calmo, ele pode ganhar algo em troca, isso pode ajudá-lo a relaxar. 

  1. Brincadeiras são sempre bem-vindas 

Se você quer gastar a energia do seu bichinho, nada melhor do que se divertir e deixa-lo feliz brincando. É simples e você pode contar com sua criatividade para deixar tudo mais divertido.

  1. Outros tipos de brinquedos

Os brinquedos inteligentes são uma maneira muito legal de fazer o cachorro gastar energia e ainda testar e aprimorar seu raciocínio. 

  1. Esportes caninos

Sabia que existem esportes caninos? Sim, um deles é um treinamento com obstáculos, chamado de agility. É um jeito de gastar bastante energia.

  1. Contrate um profissional 

Se o seu problema é não ter tempo para passear com seu pet, uma ideia é tentar reservar um dinheiro e contratar uma espécie de babá de cachorro para cuidar dele durante a semana e leva-lo para passear. Existem diversos sites e aplicativos especializados nisso. Vale a pena procurar um.

Retomando a pergunta do título, manter o seu cão mais calmo pode não ser um segredo tão difícil assim se você estiver disposto a conhecer a personalidade dele e souber como lidar com isso.

Quer mais dicas para cuidar do seu pet? Continue acompanhando nosso blog!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *