Saiba como negociar as dívidas do cartão de crédito

Você tem muitas dívidas no cartão de crédito e não sabe como pagá-las? Saiba neste artigo como negociar essas dívidas.

Essa é uma situação que tira o sono de milhões de Brasileiros. É cada vez mais crescente o número de pessoas endividadas. Se você se encontra nessa situação, confira as dicas que listamos para você quitar todas as suas dívidas de cartão de crédito.

Anote todas as suas dívidas

Organize seus gastos inicialmente. Pegue lápis e papel e anote todas as suas dívidas de cartão de crédito. Tenha tudo isso anotado, para você ter uma noção de quanto deve e comparar com o valor cobrado pelo banco.

Ligue para o seu banco

Ao saber quanto você deve no mês, ligue para a central do seu cartão de crédito para tentar negociar essa dívida.

Negocie as prestações

Veja com o banco o valor total que você deve e tente congelar o valor, para que não seja acrescido de juros e taxas posteriores. Enquanto isso, evite pagar apenas o mínimo do cartão, pois seu débito tende a aumentar.

Se a proposta do banco não for vantajosa para você, tente negociar novamente, até achar uma solução que seja interessante e que caiba no seu bolso.

Se os juros forem muito altos, considere trocar a dívida grande por uma menor. Ou seja, faça um empréstimo com juros mais baixos.

Corte os seus gastos

Enquanto paga a sua fatura, evite fazer novos gastos com o cartão de crédito. Reduza ao máximo o que for supérfluo e estipule um limite para seus gastos com lazer e supermercado.

Mude os seus hábitos

Por fim, após negociar as suas dívidas, crie o hábito de anotar todos os seus gastos numa planilha. Assim você verá sua vida financeira melhorar drasticamente.

Simulação consórcio: 3 Formas de simular consórcio

Está pensando em fazer um consórcio? Bom, saiba que é aconselhável que você comece pesquisando e simulando a forma com a qual você quer que seja o seu consórcio.

Não sabe onde simular? Não tem problema! Esse artigo foi escrito para você. Aqui serão apresentadas formas de simular consórcio. Confira:

De que formas é possível simular um consórcio?

Bom, as mais conhecidas são as simulações feitas nos bancos e nas administradoras. Mas, sabia que você pode fazer isso pela internet? Confira as nossas 3 formas de simular consórcio:

Simule com os bancos

A mais conhecida também se tornou a melhor opção para quem deseja fazer uma simulação de consórcio. Isso porque os bancos são, em geral, grandes instituições que podem oferecer a você variadas opções de consórcio.

Na simulação feita pela Caixa, por exemplo, é só escolher o tipo de consórcio. Após esse passo, você é redirecionado a outra página que questiona a quantia de dinheiro que você precisa. Com isso, já é possível saber o valor aproximado das parcelas.

No Bradesco, a simulação pelo site é feita praticamente da mesma forma. A única diferença é que ele apresenta a opção de entrar em um grupo em andamento ou um novo.

Sicredi

O Sicredi é uma cooperativa financeira. Aliás, a primeira do nosso país.

Essa cooperativa já é consagrada nesse meio financeiro. Por isso, ela oferece diversos serviços, dentre eles o consórcio. No site é possível fazer a simulação de forma rápida.

O processo para efetuar a simulação é bem parecido com o da Caixa e do Bradesco.

Concessionária

Se o seu desejo com o consórcio é comprar um carro ou uma moto, é possível que você faça o consórcio através da própria concessionária. Para simular, você pode ir até à loja de sua escolha ou, se tiver a opção, fazer pelo site oficial da marca.

Viu como é fácil simular consórcio? Agora, lembre-se de ler todo o contrato quando for fechar negócio.

empréstimo pessoal mais barato

Saiba como escolher o empréstimo pessoal mais barato

Se você está precisando de um dinheirinho extra, seja para quitar dívidas, fazer uma viagem, reformar a casa, comprar algum bem, já passou pela sua cabeça pedir um empréstimo pessoal, não é mesmo? Mas se o seu medo ao solicitar o empréstimo são as altas taxas de juros, não se preocupe, nesse post separamos algumas dicas para você conseguir um empréstimo pessoal mais barato. Confira.

1.      Evite os empréstimos pré-aprovados

Empréstimos pré-aprovados são aqueles que o cliente não precisa fazer a contratação do serviço, pois já está disponível. Esses serviços costumam ter um dos juros mais altos do mercado, chegando em media em 327,95% ao ano no cheque especial e para o rotativo do cartão de crédito, quando a fatura não é paga totalmente, as taxas de juros chegam em 409,03% ao ano.

2.      Calcule o valor total das parcelas

Dependendo da taxa de juros o valor final do empréstimo pode variar bastante. Por isso é importante antes de contratar o empréstimo pessoal realizar diversas simulações em diferentes bancos e financeiras, assim é possível comparar as taxas e o valor final a ser pago para escolher a melhor opção.

3.      Verifique todas suas opções

Além dos grandes bancos, que costumam ter altas taxas de juros, há também a possibilidade de solicitar empréstimo pessoal através de bancos online e financeiras que trabalham exclusivamente através da internet. Por não terem sede e atendimento físicos, os custos são reduzidos, assim as taxas de juros também acabam sendo mais atrativas.

4.      Pagamento online

Ao solicitar o empréstimo pessoal veja se tem a opção de pagamento online através de cartão de crédito ou débito em conta corrente. Isso pode reduzir as taxas de juros do seu empréstimo pois o banco tem mais confiança que você realizará o pagamento das parcelas.

Seguro viagem: Veja quais lugares são obrigatórios

O seguro viagem é um serviço imprescindível para quem quer fazer uma viagem com segurança e garantia de suporte caso algum imprevisto ocorra durante a viagem. Apesar da sua importância, ainda há viajantes que ignoram o seguro viagem e viajam sem estar segurados. Um erro cometido e que na maioria das vezes gera um grande arrependimento. Mas, você sabia que em alguns países o seguro viagem é obrigatório? Você sabe quais são estes países?

Pensando nas dúvidas de muitos viajantes, resolvemos esclarecer e mostrar quais são os países onde o seguro viagem é uma exigência e você não pode ir para lá sem um. Saiba mais a seguir:

Seguro viagem

A verdade é que toda viagem deveria ser segurada e ter garantia de suporte em caso de imprevistos. E isso só é possível com um seguro viagem se você não quer ter gastos indesejados durante sua aventura pelo mundo.

Entre os países que exigem o seguro viagem para o estrangeiro, os países europeus são a maioria. O tratado de Schengen, o acordo europeu que determina a comprovação de um seguro viagem pelo viajante com cobertura mínima de trinta mil euros para atendimento médico e hospitalar, foi feito entre 26 países da Europa, ou seja, a grande maioria dos países europeus vai exigir que você esteja segurado. Não viaje sem um seguro viagem de qualidade.

Além dos países europeus, na Venezuela e Cuba também é exigido o serviço para o turista. E a principal razão para isto, tanto na Europa como nos países da América Latina, é para garantir que o viajante custei suas despesas em casos de necessidade.

Mas, uma dica, um seguro viagem de qualidade não precisa ser caro, o serviço custa em média R$20,00 a diária e garante as principais coberturas para garantir a segurança do viajante.

Empréstimo: como pedir empréstimo fácil

Passar por momentos em que a vida financeira fica difícil é muito comum e a busca por uma solução rápida tem ganhado procura. Qual essa solução? Empréstimo. Existem alguns motivos que o tornam um atrativo para os devedores, como a sua popularidade, aprovação do crédito em poucas horas e parcelas fixas.

Existem, hoje, duas formas de pedir esse tipo de empréstimo: entrando em contato com uma instituição financeira ou buscar por instituições que tem o único propósito de fornecer esse tipo de serviços. Entenda melhor como funciona cada uma:

Banco

         Nestas instituições existem dois cenários possíveis: você sendo cliente do banco para o qual deseja pedir o empréstimo e você não sendo cliente.

         Quando você é cliente, conseguir um empréstimo é mais fácil. Essas instituições costumam dar privilégios para quem já tem um relacionamento com a empresa ou um crédito pré-aprovado.

         Mas, caso a sua instituição em que você já é cliente não atenda as suas necessidades, você pode buscar por qualquer outro banco que preste este serviço. O processo pode ser um pouco mais demorado, mas provavelmente responderá ao que você espera.

         Para solicitar um empréstimo neste tipo de instituição basta ir até uma unidade com os documentos necessários, assinar o contrato e esperar a aprovação do crédito. Algumas delas ainda oferecem essa opção online.

Prestadora de serviços com objetivo único de empréstimo

         No caso de instituições financeiras, o seu único propósito no mercado é prestar esse tipo de serviços. Sendo assim, a aprovação do seu crédito, caso opte por uma delas, sairá muito mais rápido e com muito menos burocracia.

         A maioria delas disponibiliza a opção de solicitar empréstimo online, agilizando o processo e atraindo mais clientes, pela facilidade apresentada. A aprovação do seu crédito demora de algumas horas a algumas semanas.

Dicas para ser mais organizado Com Seu dinheiro


Se você tiver problemas para chegar ao final do mê, se sua conta for executada muito rapidamente sem fundos, será bom aprender uma pequena organização econômica para poder passar o mês inteiro com dinheiro e sem preocupações. 

Mas ser organizado com dinheiro não implica em fazer um orçamento e ficar estritamente com ele, vai mais além. De como vamos explicar como ser mais organizado com dinheiro para equilibrar suas finanças.

1° Passo:

Todo mês temos que lidar com alguns pagamentos (eletricidade, água, telefone, comunidade de vizinhos, seguro de carro, etc.) para não ficarmos loucos com todas as contas, a primeira coisa a fazer é acertar todas as contas e pegar a segunda via em uma conta e pagá-los automaticamente no mesmo dia de cada mês. 

Dessa forma, garantiremos o pagamento pontual das faturas e economizaremos multas ou penalidades por atrasos.

2° Passo

Outro aspecto muito importante é ter as contas bancárias organizadas. Se tivermos contas em bancos diferentes, podemos tentar agrupá-los todos na mesma entidade, o que, por exemplo, nos economizará comissões ao transferir dinheiro de uma conta para outra. 

Nós também ganharemos tempo ao fazer arranjos. Se você tiver contas que não usa, feche-as. Você tem que pagar os custos de manutenção, então você vai salvá-los e você terá seu dinheiro muito mais organizado.

3° Passo

Se você deseja salvar, registre as despesas do dia-a-dia. No início de anotar todas as suas despesas, de ir para o pão para comprar a semana no supermercado, pode ser um pouco pesado, mas pouco a pouco você vai se acostumar com isso. Você também deve observar se você paga em dinheiro ou com um cartão.

4° Passo

Depois de algumas semanas anotando as despesas – um mês é um bom momento – você pode dividi-las em categorias. Uma pode ser as despesas da casa, outra a comida, o lazer, as roupas, as contas domésticas, etc. 

Dentro de cada categoria, você pode diferenciar entre pagamentos feitos em dinheiro e aqueles feitos com cartão de crédito. Mês a mês você pode comparar suas despesas em cada categoria e saber com o que você gasta mais.

5° Passo

Depois de analisar as despesas que você pode estudar, se você está mais interessado em usar o dinheiro ou cartões, saber quando eles vão alcançar os recibos mais importantes e ajustar outras despesas, como categoria de entretenimento, não desequilibrar suas contas. 

Pouco a pouco você vai descobrir o que você gasta mais, mas se você começar a planejar suas despesas, você será capaz de equilibrá-las e começar a economizar.

Seguro Viagem para Lisboa: Veja todas as informações necessárias

Se você marcou uma viagem para Lisboa, já escolheu seu roteiro, fez reservas de hospedagem, comprou as passagens, organizou os transferes e os tour e passeios pelo país, e acha que está tudo certo, tome cuidado. A grande maioria das pessoas esquecem ou acabam deixando para última hora a contratação de um Seguro Viagem Lisboa.

Portugal é um dos países que exigem a contratação de um Seguro Viagem Lisboa para que a sua entrada seja autorizada em seu território. Isso se deve ao país participar do tratado de Schegen.

O que é tratado de Schegen?

O Tratado de Schegen é um acordo firmado entre os países da União Europeia, que permite que tenha livre circulação entre eles. E é nesse tratado que tem a exigência que o turista tenha seguro viagem contratado com uma cobertura de no mínimo 30 mil euros.

Quais países fazem parte do tratado de Schegen?

Praticamente todos os países pertencentes ao continente europeu fazem parte do tratado de Schegen. Como a viagem que você está planejando é para Lisboa, um Seguro Viagem Lisboa é obrigatório de ser contratado. Caso você chegue ao país sem esse serviço contratado e te parem na imigração e peçam para você apresenta-lo, sua entrada será barrada.

•             Alemanha

•             Áustria

•             Bélgica

•             Dinamarca

•             Eslováquia

•             Eslovênia

•             Espanha

•             Estônia

•             Finlândia

•             França

•             Grécia

•             Holanda

•             Hungria

•             Islândia

•             Itália

•             Letônia

•             Liechtenstein

•             Lituânia

•             Luxemburgo

•             Malta

•             Noruega

•             Polônia

•             Portugal

•             República Tcheca

•             Suécia

•             Suíça

•             Mônaco, San Marino e Vaticano

Quais outros documentos preciso para entrar em Lisboa?

Além do seguro viagem, se a sua viagem tiver o objetivo de turismo, você precisará apresentar aos seguintes documentos:

  • Passagem de volta;
  • Passaporte;
  • Comprovante de hospedagem;
  • Comprovante financeiro que garante sua estadia no país.

Então, antes de iniciar a sua viagem, certifique-se de que está levando todas a documentação exigida, para que você não tenha problemas.

Simular Empréstimos: 3 Formas de simular empréstimo na internet

A internet é uma realidade inquestionável nos nossos dias, tanto no ambiente de trabalho quanto em nossas relações sociais. A facilidade para encontrarmos informações e serviços é o atrativo que nos faz buscar o acesso rápido e fácil para a solução dos nossos problemas. Temos, ainda, a consciência de que vivemos tempos de crise financeira e passamos por dificuldades econômicas em nossos dias e conseguir um crédito nem sempre é tão rápido, pois precisa de tempo para avaliação de documentos e outros requisitos exigidos.
Nesses momentos você pode ficar preocupado com as contas que estão chegando e com os projetos que você ainda não conseguiu realizar e só deseja um recurso ágil para resolver a sua angústia.
Pensando na solução desse impasse é que surgiram diversas formas de empréstimos online que trazem como diferenciais de agilidade a opção de simular o empréstimo na internet. Essa simulação ocorre 100% no ambiente virtual, através de plataformas que permitem uma visão antecipada do contrato que você está prestes a assinar. Os sites dos bancos, financeiras e outras instituições que oferecem créditos, disponibilizam este serviço para simular empréstimo na internet de forma gratuita.
Há também sites especializados somente neste serviço de simular empréstimo na internet, com o diferencial de informar qual a instituição que traz o valor de empréstimo mais vantajoso para você. Estes sites especializados em simular empréstimo na internet trazem outras informações importantes como melhor taxa de juros, melhor distribuição dos encargos financeiros para que você possa escolher o melhor empréstimo a contratar.
Importante destacarmos que as formas de simular empréstimos na internet devem ser checadas em relação a sua segurança e transparência para garantir a proteção de seus dados pessoais e lhe trazer tranquilidade e confiança para adquirir o seu crédito sem burocracias. Se você está procurando uma forma simples de contratar um empréstimo com agilidade, não deixe de simular o seu empréstimo na internet. Planejar o seu futuro financeiro pode ser mais tranquilo do que você imagina.

Veja tudo sobre o seguro viagem para o Chile

O destino favorito dos brasileiros na América do Sul é o Chile. Isso porque, além de próximo, o país é repleto de atrativos que não são encontrados no Brasil, como, por exemplo, montanhas, vulcões, geleiras, nevadas e desertos. Com tantos destinos que você pode praticar esportes ou até mesmo se acidentar, a contratação de Seguro viagem Chile é muito recomendada. Com o seguro contratado você pode viajar tranquilo de que se algo acontecer, sempre terá uma equipe disponível para te respaldar.

Seguro viagem Chile é obrigatório?

O Seguro viagem Chile não é obrigatório, porém, é muito recomendado a contratação no planejamento da sua viagem.

O pensamento de que o seguro viagem é só uma exigência a ser cumprida, um gasto a mais, precisa ser mudado. Afinal, nunca se sabe quando imprevistos podem acontecer, e com o seguro viagem, esses imprevistos não geram dores de cabeça.

Como escolher o melhor Seguro viagem Chile?

Para uma escolha eficiente do Seguro viagem Chile, primeiro você precisa entender qual o seu perfil e qual o perfil da sua viagem. Por exemplo: se você for praticar esportes radicais no Chile, você precisa contratar um seguro que tenha esse tipo de cobertura. Por isso que é muito importante entender qual o seu perfil e o da sua viagem.

Todas os Seguro viagem Chile adquiridos no Brasil incluem de forma obrigatória as seguintes coberturas:

  • Assistência médica;
  • Assistência odontológica;
  • Seguro de Vida;
  • Translado de corpo.

Porém, existem outros fatores que devem passar por sua análise ao contratar um Seguro viagem Chile, para que você escolha um que seja eficiente. Veja abaixo algumas coberturas recomendadas:

  • Valor da cobertura do seguro é recomendada que seja superior a 25 mil dólares;
  • Coberturas para enfermidades preexistentes;
  • Coberturas para atividades de risco caso a sua viagem seja para a prática de esportes radicais.

Motos Honda: Como ver os valores na tabela fipe

As motos Honda são modelos de motos que são muito vendidos no mercado brasileiro.

E um mercado muito aquecido é o de motos semi-novas. Esse mercado é muito procurado por conta dos valores praticados.

Muitos brasileiros ainda não possuem a condição de comprar uma moto Honda zero quilômetros e para não ficarem a pé, buscam essa alternativa.

Existe no entanto uma tabela onde é possível verificar o preço médio de diferentes modelos de motos.

É a tabela FIPE. Criada pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, a tabela FIPE busca trazer o preço de diversos modelos de veículos para o consumidor, para este verificar se não está fazendo um mau negócio.

Neste texto você irá aprender como ver os valores da tabela FIPE Motos Honda. Confira!

Motos Honda: como consultar tabela FIPE

A tabela FIPE é um site especializado em apresentar o preço médio de inúmeros modelos de veículos.

Esse site é facilmente encontrado em uma rápida pesquisa na internet. Em sua tela principal, há um quadro azul escuro, onde será inserida as informações para pesquisa.

Primeiramente, o usuário deverá selecionar o tipo de veículo que deseja pesquisar. Após isso, será solicitado a marca, o modelo e o ano de fabricação.

Com isso, o usuário receberá na tela a informação do valor médio na data da pesquisa. Como complemento, também receberá um gráfico com os valores praticados nos últimos anos.

É importante lembrar que o site da tabela FIPE não comercializa e seus dados são apenas para efeitos de informação e comparação.

Motos Honda: a tabela FIPE é segura?

A consulta de valores de motos Honda na tabela FIPE é totalmente segura, visto que o usuário não precisa informar nenhum dado pessoal.

O site é criptografado e como é para apenas para efeitos informativos, o usuário não corre nenhum risco ao utilizar essa ferramenta.

Você sabia destas informações sobre a tabela FIPE?